Pesquisa: executivos de marketing esperam mudanças radicais no digital em cinco anos

Estudo da Accenture com CMOs de 11 países aponta análises, digital e mobile como as principais novas fronteiras.

 

Pesquisa: executivos de marketing esperam mudanças radicais no digital em cinco anos

 

O digital está mudando o mundo e os executivos de marketing sabem disso. Pelo menos é o que a pesquisa CMOs: Tempo para a transformação digital ou o risco de ser deixado de lado, patrocinada pela Accenture, e que tem como objetivo entender as opiniões, desafios e pontos de vista de executivos de marketing sênior de todo o mundo.

Para 78% dos entrevistados, o mundo do marketing passará por mudanças fundamentais nos próximos cinco anos e as três mudanças mais citadas são análises, digital e mobile. As companhias com crescimento acelerado (com aumento de pelo menos 6% nas vendas anuais), em particular, informaram que os investimentos nessas três áreas compensam especialmente para melhorar a experiência dos consumidores.

Veja as mudanças mais citadas:

. As análises se tornarão uma competência primordial do marketing (42%)

. As verbas digitais responderão por 75% das verbas de marketing (37%)

. O mobile responderá por 50% da verba de marketing (35%)

. O marketing terá uma função de prover informações sob demanda (34%)

. Marketing, vendas e atendimento ao cliente serão fundidos em uma única função função (34%)

Não saberemos como uma campanha de marketing será com antecedência: as campanhas terão desdobramentos em tempo real dependendo da necessidade e do objetivo com cada consumidor em cada device e canal (32%)

. Mídia espontânea será mais importante e terá mais suporte do que a mídia paga (27%)

. Marketing e TI serão fundidos em uma única função (26%)
. CMOs serão o principal contato dos CEOs, ultrapassando o CFO e outros executivos do C-level (21%)

. Seremos conhecidos como uma empresa digital (21%)

Em relação ao montante aplicado em marketing digital, a tendência aponta crescimento. Os investimentos na área de 39% das empresas pesquisadas superam a marca de US$ 100 milhões. Para 41% da amostra, a verba deve ser ampliada em pelo menos 5% no próximo ano fiscal. Apenas 8% dos entrevistados citaram a possibilidade de corte na verba de marketing digital no próximo ano.

A pesquisa ouviu 581 executivos de marketing de 11 países (Alemanha, Austrália, Brasil, Canadá, China, Cingapura, Estados Unidos, França, Itália, Japão e Reino Unido) e 10 setores (automóveis, bancos, bens de consumo, ciências, eletrônicos, mídia, seguros, telecomunicações, turismo e varejo). A coleta de informações aconteceu entre novembro de 2013 e janeiro de 2014.

 

Fonte: Proxxima 

 



Vamos tomar um café?

Gostaríamos de conhecer um pouco mais sobre a sua empresa e, assim, propormos as melhores estratégias de marketing digital. Aumente seu volume de negócios, conte com a gente!


Whatsapp (19) 9 9958-8021