Brasil é o 2º país mais afetado por sites phishing HTTPS, diz pesquisa

(Foto: Reprodução)

Em pesquisa realizada recentemente, a empresa de segurança Trend Micro concluiu que o Brasil só fica atrás dos Estados Unidos quando o assunto é o ataque de sites phishing HTTPS. A empresa descobriu também que diversos usuários procuram versões seguras de sites de jogos, mas, ao digitar o endereço, são redirecionados a um site de phishing.

O número de endereços maliciosos disparou nos últimos anos, o que pode ser explicado pela facilidade de criação dos sites e pela utilização de páginas e serviços legítimos de hospedagem. Para realizar a tarefa, não é necessário adquirir um certificado SSL, já que são utilizados os existentes. Segundo a companhia, a expectativa é de que o número de sites phishing dobre até dezembro.

O cadeado não é mais sinônimo de segurança

Muitos sites passaram a exibir o ícone de cadeado à direita da tela. Mas fique atento: nem sempre isso é sinal de que o endereço é seguro. Em alguns casos, não é possível clicar no cadeado e obter mais informações.

Para detectar se a página visitada é de um site phishing é necessário verificar a validade do certificado e pesquisar o nome para o qual ele foi emitido. Geralmente ele é o mesmo do domínio. Procure evitar também realizar transações bancárias em aplicativos não oficiais e autorizados e fontes que não sejam legítimas.

Fonte: Olhar Digital 



Vamos tomar um café?

Gostaríamos de conhecer um pouco mais sobre a sua empresa e, assim, propormos as melhores estratégias de marketing digital. Aumente seu volume de negócios, conte com a gente!


Whatsapp (19) 9 9958-8021